Carregando...



Social imaginativa: festeje em qualquer lugar do mundo sem gastar nada

social+imaginativa

Imagine ir pra New York, Ibiza, pro espaço, India ou qualquer lugar do mundo só fechando olhos. Consegue fazer isso? Eu e um amigo testamos essa "social de olhos fechados", onde colocamos músicas que tenham a ver com o clima, cerramos as pálpebras, e descrevemos o local em que estamos. A trip é garantida e por mais estúpido que pareça, funciona com dedicação.


COMO FUNCIONA?

O ser humano é o único animal que consegue mentir pra si mesmo com maestria, então vamos aproveitar essa desvantagem como positivo. Já ouviu falar de RPG? É um jogo de interpretação de personagens, um teatrinho. Essa social é a mesma coisa. A gente vai:

1. Definir um local com os amigos. Usem detalhes, como o país, cidade, temperatura, o que dá pra ver, se estão num apartamento, no terraço, num barco... podem usar a internet pra caçar imagens e deixar o locus (vamos chamar assim) mais preciso.

2. Fechar os olhos (ou colocar uma venda) e ir descrevendo o que tá fazendo: "tem um cara me olhando daquela mesa" ou "cara, olha essa lua! Sente esse vento! Não é perfeito? Que bom que estamos juntos aqui no paraíso" e coisas do tipo. Pequenas descrições pra adoçar a viagem.

3. A música precisa tocar o tempo todo. O foco da social não é interação com potenciais pegações como na balada, por exemplo. Tá tudo em nossa mente. O objetivo da festa é fazer teu corpo dançar até não aguentar e dividir uma memória individual construída com os amigos que embarcaram nessa maluquice.

É a festa mais chique e barata que você terá na vida.


Muitos lugares pra conhecer


QUEM CHAMAR?

Não é todo mundo que vai pensar que uma festa sem decoração ou roupas estilosas será divertida. Chame amigos próximos ou aqueles colegas que adoram coisas novas, super cabeças-abertas. Um chato pode detonar o climão que cresce conforme a festa vai em frente.



O QUE VESTIR, DECORAR E COMER?

Não precisa de roupas chiques, dresscode, decorações ou fantasias. Na verdade, a fantasia é necessária, mas só dentro da visualização, na mente. Quando a gente fez a social imaginativa aqui, nem pensamos em roupas. Quando escolhe o lugar, automaticamente vai vir um padrão. Sempre tô de preto, mesmo no iate de St. Barts. 

Recomendo que comam antes um lanche leve, e evitem de ficar indo na cozinha pegar bebida o tempo todo. Quanto mais tempo ficarem com os olhos fechados, menos quebra a onda. Mantenham o que precisarem à mão e viajem pra sempre!


Seu bolso pode ter limites. Sua mente não.


MÚSICAS + TEMAS

Já falei que música define todo o clima: sem ela (de preferência alta, pra tapar os sons da rua e deixar só vocês) não há magia. É possível, mas por que ignorá-la? Na hora de montar ou escolher uma playlist, pense nela como a chave-mestra que vai abrir pra onde você decidir. Se colocar músicas lounge, vai estar num lounge; se algo mais havaiano, músicas tropicais serão as guias. Abaixo deixei algumas playlists daqui do site pra ir experimentando. Sábado tem mais. 

MÚSICAS DE RICOS para lounge ou cruzeiros;
SOCIAL VAMPIROS & PSICOPATAS para dançar num covil de criaturas sobrenaturais;
TABULEIRO OUIJA NO CEMITÉRIO pra agitar com as bruxas;
PLAYLIST PRA FICAR CHAPADO é pra viajar com a Alice pro País das Maravilhas.


___________


Estranho, né? Difícil pensar que simplesmente tapar a visão e deixar a mente brincar de ser criança pode proporcionar diversão real. Funciona, cara. Vocês vão ficar pulando que nem idiotas, sua mãe vai passar pela porta e perguntar o que tá acontecendo. Sabe o que vai responder? "Mãe, você também veio pra Mykonos com a gente?"


FacebookYoutubeTwitterConheça o autor

Comente com o Facebook:

Últimos Artigos