Carregando...



Como terminar namoro: dicas de quem diz muito adeus

Guia respeitoso sobre dar tchau.
Sou o rei dos términos. Inconstante, minha paixão começa da noite pro dia e acaba num estalo. Minha diferença para um cafajeste é o respeito a qualquer pessoa com qual me envolvo, especialmente na hora de zerar a barra de paixonite e lançar a terrível pergunta: "podemos ser amigos?". Vou dar dicas para passar por esse momento sem tomar uma facada.

como+terminar+namoro
o+que+dizer+termino+namoro

SE A DECISÃO JÁ FOI TOMADA...

...não enrole! Claro que você não vai contar na noite em que um parente próximo do seu par morreu (por favor!), mas se nenhuma situação drástica a esse nível os rodeia, não rodeie: termine! Muitos motivos levam ao término e, às vezes, ainda é possível salvar o relacionamento, mas quando você tentou tudo e não funcionou, liberte-se e liberte a pessoa que dividiu bons momentos contigo.


NÃO SEJA SOTURNO

Não crie climão. Não instigue a curiosidade da pessoa jogando pistas de que vocês terão A Conversa, isso é tortura. Chame para conversar instantaneamente e evite dar explicações antes de dizer que você não se sente mais confortável na situação em que se encontram. Depois de declarar isso, explique seus por quês.

Como+terminar+namoro

NÃO ALIMENTE FALSAS ESPERANÇAS

Porque é sacanagem! Sei que é de partir o coração dizer para aquela pessoa super fofa, que te tratou bem durante esse tempo todo, que vocês não terão mais nada como namorados, mas dizer que "num futuro próximo talvez a gente faça dar certo" pode prender seu par à uma esperança que, pra você, não existe. A vida nos surpreende, vocês podem até dar certo no futuro, mas deixa o futuro falar sozinho, não fale por ele para consolar alguém que você preza. Nem minta!



TERMINAR POR MENSAGENS SÓ EM CASO EXTREMO!

Sei o que você vai dizer: "Enrique, terminar por Facebook/SMS/WhatsApp é canalhice!" e eu vou concordar em partes. Existem casais que brigam tanto quando sentam para conversar que a melhor maneira de se expressarem claramente é através de uma conversa "com turnos" e objetiva. Se a aversão à mensageiros instantâneos for muita, use cartas! Mas explique sua atitude: "como conversaria isso contigo pessoalmente se temos vontade de arrancar a cabeça um do outro?!".

dica+terminar+namoro

PLANEJE A CONVERSA

Sério! Você está terminando com alguém, então nada de "é-isso-beijo-tchau"! Explique todos os seus porquês e peça para não ser interrompido enquanto o faz, para que nenhum nó fique desatado. Se sua memória for uma bosta, anote os tópicos de conversa e coloque os assuntos na mesa, um de cada vez. O que incomoda mais num término não é apenas o término em si, mas a sensação de assuntos inacabados que fica depois de razões mal-dadas.


VOCÊ NÃO É ETERNAMENTE RESPONSÁVEL POR QUEM CATIVA...

...mas é responsável por como sua escolha de palavras e ações afetarão alguém que compartilhou uma relação contigo. Vocês serão parte do aprendizado um do outro para sempre (mesmo quando dá tudo errado). Preze para deixar a pessoa o mais confortável possível com o fim, mas não se martirize caso ela se afunde em noites de tequila ou se jogue na depressão. Faça sua parte: seja um bom amigo. Não se torne muleta — ou mártir!


dizer+terminar+namoro

PRA FECHAR: VOCÊ VAI PERDER AMIGOS

Esteja pronto para ser apontado como a reencarnação do Darth Vader! Não importa como você tenha sido gentil, o outro pode se jogar no chão e se espancar pra dizer que apanhou de você, ganhar alguns amigos pelo elo da miséria e atirá-los contra você. Julgar relacionamentos sem compreender que convívio entre seres humanos é complexíssimo (ainda mais amoroso) é coisa de gente imatura. Você-não-precisa-deles.


Espero que você não precise usar esse guia, de coração. Mas se precisar, levante a cabeça, respeite o que vocês tiveram e aprenda do que puder. Assim, tirando boas lições de situações incômodas, você não as repete e transforma o passado negativo em aplicação para um futuro positivo! Respira com coragem!


VEJA TAMBÉM

playlist+termino+namoro


Quais dicas você daria?
Comente!


FacebookYoutubeTwitterConheça o autor

Comente com o Facebook:

Últimos Artigos