Carregando...



Como superar término e amar novamente

Como superar término e amar novamente
Pra quem cansou de chorar.
Já conversamos sobre sorrir pelas oportunidades em vez de chorar pelo fim, eu e a Ana Arantes — do Bolas de Meia — demos 20 dicas num vídeo de áudio ruim para lidar com o término, e postei uma playlist pra fim de namoro e outra para sentir saudade. Sem contar o guia de como dar adeus ao seu namoro!

Amar é confiar, e confiar é um risco. A gente pode se fechar e não permitir que ninguém se aproxime, mas parte do que faz a vida interessante se perde com isso. Quando confiamos numa pessoa e ela quebra nossos votos, tudo que conhecemos de realidade desce no ralo. Encontrar um novo amor parece impossível e chegamos ao ponto de odiar o outro, desejando que os relacionamentos dele não deem certo. O que falta para entendermos — e a primeira lição — é:

SE NÃO FOR PRA SER, NÃO SERÁ
Não é filosofia mística, apenas uma verdade legal: se terminou, é porque vocês vão encontrar pessoas que os preencherão melhor, mesmo que não pareça plausível e você queira se afogar numa banheira de vodka depois de cortar os pulsos, as pálpebras e os dedos dos pés. O que é seu, está guardado!

APRENDA DOS ERROS
Depois que terminamos, nos torturamos por cada escorregada. Reparar nos erros que você ou seu parceiro cometeram ajuda a prevení-los no futuro. Ao aprender de um erro, você o torna um acerto — afinal, se esse erro te transformou numa pessoa mais consciente das próprias ações, ele virou lição! Não se martirize pensando no que poderia ter feito de outra forma. Não vai te ajudar ou recuperar o relacionamento. Guarde essa sabedoria para o que ainda virá.


PESSOAS MUDAM
A culpa não é sua ou do seu parceiro. Porém, uma das causas mais comuns — e motivo de acusações — é a mudança de personalidade. Em essência, as pessoas continuam as mesmas, mas a rotina transforma gostos, maneiras de lidar com problemas e encurta a tolerância para picuinhas. Quantas vezes um amigo sumiu por mudar? É natural! Quando mudamos, procuramos ambientes que tenham mais a ver conosco. Não se odeie por não chover no sertão.

FIQUE NA MERDA
Vai, pode chorar! Ponha para fora a raiva, tristeza e amor que sobraram! Conhecida como fase de luto, é quando cai a ficha de que a história acabou e você tem todo o direito de sofrer, então nada de segurar! Ficar na merda faz a realidade mais presente e te torna forte para se perguntar "por que estou chorando por alguém que está cagando pro fato de eu estar triste?". Ser vítima cansa e seu organismo cria anticorpos para evitar que você se curve a esse sentimento de novo.


DÊ SEU AMOR PARA OUTRAS PESSOAS
Dizem que a melhor maneira de superar um amor é encontrando outro. Esse amor não precisa ser romântico. Você pode encontrar com família e amigos o carinho necessário para se doar em plena confiança e reaprender seu próprio valor. Desse valor, não chore por quem não chorará por ti, não ame quem não te ama, não abandone quem te quer bem e aprecie momentos de solidão.

CONSIDERAÇÕES FINAIS
Evite músicas de fossa e não se tranque emocionalmente. Cada pessoa tem algo único para oferecer, então saiba aproveitar cada instante sem sofrer antecipadamente pelo término ou receio de depositar confiança. A vida é feita de riscos! Converse consigo, siga sua intuição e não deixe de se apoiar nos amigos — não os abandone quando encontrar outro amor pra chamar de seu!


Vida é equilíbrio. Comece se amando. Verá como ficará fácil ser amado pelos outros.

Boa superação pra você!

Como terminar namoro: dicas de quem diz muito adeus10 filmes sobre recomeços pra ver na primaveraNão chore porque acabou, sorria por ter acontecidoComo se dar bem no Tinder, Grindr etc
FacebookYoutubeTwitterConheça o autor

Comente com o Facebook:

Últimos Artigos