Carregando...



Redescobrindo amigos

redescobrir+amizade
Reflexão sobre tesouros esquecidos.

2014 foi o ano de redescobrir pessoas com quais não conversava desde os treze. Colegas da escola reapareceram com potencial para entrarem na rotina, com gostos mais definidos e personalidades sólidas. Por coincidência, foi no momento em que meus amigos desapareceram. Já pensou em (re)conhecer um amigo/colega/estranho do passado?

Bato na mesma tecla: pouca coisa dura para sempre. Ao contrário dos objetos, que possuem obsolescência planejada, não dá pra prever quando amizades, namoros e familiares vão partir, mas o que podemos afirmar é que irão — e não apenas no sentido figurado. Passei por um momento onde, por motivos de agenda, meus melhores amigos e eu nos afastamos. Ao mesmo tempo, colegas que nunca dei atenção no passado, do nada, quiseram me visitar e chamaram pro cinema.

como+fazer+amigos+depois+20+anos

No início, aceitei por carência, não queria ficar sozinho. Depois fui lembrando deles de maneira natural, algo como "fulano vai gostar disso, vou chamar", e eram as mesmas pessoas em essência, mas com ideais e gostos bem mais interessantes — assim como, para eles, eu também me tornei mais interessante. Vez ou outra ainda parava pra perguntar "por que a gente não se falava direito?", e as respostas costumavam ser as mesmas: "não sei".

A vida é feita de panelinhas. A gente costuma se fechar na nossa zona de conforto, cheia de rostos conhecidos e mesmices, e não damos abertura para ninguém novo. Era isso que acontecia no colégio — e acontece na faculdade, no trabalho, na balada... Não tivemos oportunidades de nos conhecermos mais porque meu círculo social era tão autossuficiente que me acomodei nele e excluí o resto.

como+conhecer+pessoas+legais+bairro

Pensando nisso, puxei assunto com pessoas com quais não conversava na escola, mas sempre quis. Corri atrás dos amigos que eram anos mais velhos quando eu tinha sete. Perguntei que tipo de pessoa eu era naquela época e, daí, surgiram conversas, comparações e lembranças. De uma a outra "amizade retomada", uma presença mais assídua à minha casa, às festas, ao cotidiano.

Alguns viraram amigos de tirar fotos. Outros de apresentar novas bandas. A maioria pra gastar uma tarde vendo filme. Por estarmos abertos, cultivando curiosidade em saber o quanto mudamos, reintegramos e descobrimos conexões inimagináveis no passado. Por isso, se seus atuais amigos estão lhe causando mais decepções que alegrias — ou se sua solidão está doendo —, já considerou olhar para o passado?


Você concorda que 2014 é o ano dos reencontros?
Quem você redescobriu esse ano? Comente!


FacebookYoutubeTwitterConheça o autor

Comente com o Facebook:

Últimos Artigos