Carregando...



5 séries de drama pra chorar

Veja mais entretenimento
Prepare os lenços!
Discipulos de Peter Pan - 5 series de drama pra chorar


Agora o DDPP aceita matérias dos leitores! Se quiser enviar um texto, acesse essa página e saiba como! Hoje foi a vez do Maikon Nunes trazer uma lista de séries super dramáticas!

***

Você que é fã de dramas, que gosta de histórias mais centradas na vida real e quer derramar algumas lágrimas, não pode deixar de assistir essas séries! Prepare lenços e pegue um copo de água com açúcar: você vai precisar!

Finding Carter
1. FINDING CARTER
Acompanha uma adolescente que parece ter uma vida perfeita ao lado da mãe solteira, amorosa e divertida, Lori. No entanto, as coisas viram de cabeça para baixo quando ela descobre que Lori a sequestrou quando era criança. Agora Carter precisa voltar para a verdadeira família, que achava que ela havia sumido para sempre. Enquanto se adapta aos novos pais, irmãos, à escola e aos garotos, ela jura que vai encontrar Lori — que está foragida — antes que perca o contato, já que apesar de tudo ela é a única mãe que conheceu. Finding Carter estreou em 2014, mas já me ganhou. Tem excelente trilha sonora, história ótima e que não decai. Além de tudo, temos a linda Kathryn Prescott, a Emily de Skins.


Chasing Life
2. CHASING LIFE
Conta a história de April, uma jovem aspirante a jornalista que tenta impressionar o chefe no jornal de Boston. Enquanto sonha com uma carreira perfeita, lida com a mãe, avó e a irmã caçula e rebelde. Quando as coisas começam a melhorar — especialmente na vida amorosa — April recebe o diagnóstico de que está com câncer. Com diversas lições, a história nos proporciona muita reflexão e entretenimento, dando um show no quesito drama. Particularmente, me fez repensar muitas coisas. Ela, tão jovem, com tantos objetivos e sonhos, esbarra num obstáculo desse porte! É a vida! Essa série também estreou esse ano, já terminou a primeira temporada com 10 episódios e terá um especial de natal em novembro! Assista!


Hit and Miss
3. HIT & MISS
Traz a excelente atriz Chloë Sevigny, de volta à TV. Na história, Chloë interpreta Mia, uma assassina profissional. Seu trabalho é uma forma de garantir controle sobre seus sentimento, em constante conflito desde que era criança. O que torna a história mais interessante é que Mia nasceu homem! Sua intenção é fazer uma cirurgia de mudança de sexo. Mas a vida dá outra reviravolta: Wendy, a ex-namorada, está com câncer e à beira da morte. Para sua surpresa, Mia descobre ter tido um filho, atualmente com 11 anos. Ao se encontrar com ele, descobre que Wendy teve mais três filhos, frutos de outros relacionamentos. Assumindo o cuidado das crianças, Mia precisa descobrir uma forma de controlar seus instintos assassinos enquanto aprende a ser mãe, ao mesmo tempo em que está se adaptando à identidade de gênero. É uma historia original, com qualidade britânica e uma fotografia excelente! Porém, Hit & Miss tem um problema: é curtinha, de apenas 6 episódios.


Rectify
4. RECTIFY
Do mesmo produtor de Breaking Bad, acompanha Daniel Holden, homem que foi condenado à morte pelo estupro e assassinato de uma adolescente. Passadas duas décadas no corredor da morte, ele é liberado graças às novas evidências de DNA. Por ter ficado muito tempo no isolamento, Daniel sente dificuldades ao se readaptar à sociedade e à família. Essa série é puro drama, de ritmo lento, construída em detalhes que focam profundamente na readaptação do protagonista à sociedade. É um show de qualidade, de diálogos fantásticos, de fotografia excepcional, atuações excelentes e um roteiro digno de premiações. Terminou a segunda temporada recentemente — com 16 episódios — e já foi renovada.


Shameless (US)
5. SHAMELESS (US)
Essa merece total atenção, é a rainha das séries. Cientistas conceituados de Harvard comprovam que 10 em cada 10 que assistem Shameless se apaixonam perdidamente pela série, causando um salto automático para o primeiro lugar no ranking de séries favoritas. Não sou eu quem estou dizendo! Shameless — versão americana, não a britânica — mostra a vida da imensa família Gallagher, composta por Fiona, filha mais velha que alimenta e cria cinco irmãos; Lip, que usa sua inteligência de forma errada aos olhos da lei em prol da família; Debbie, a garota que apesar de nova já tem que se desdobrar para ajudar como pode; Ian, que se revela gay, cujo sonho é entrar para o exercito; Carl, o que dá mais trabalho; o bebê Liam, que por enquanto só assiste as merdas da família acontecer; e o pai Frank, que vive bêbado. É uma série com boa quantidade de coito, drogas e qualidade. Só tem 4 temporadas de 13 episódios e foi renovada (claro) para a 5° temporada, que estréia em janeiro de 2015. Sério, vale a pena dar uma chance! Arrisco a dizer que você amará no primeiro episódio! 

Todas as séries recomendadas valem a pena serem assistidas, não é papo de quem quer vender o peixe. Misturam ótimas atuações, trilha sonora (o que julgo importante), ótima qualidade técnica, como fotografia (coisa que dou muito valor, seja em séries ou filmes), entre outras coisas. Se já assistiu alguma, diga o que achou!

ESCRITO PELO DISCÍPULO MAIKON NUNES
QUER ENVIAR UM ARTIGO? ACESSE ESSE LINK!
10 séries curtas para assistir em uma semana15 filmes de vampiros pra ver antes de morrer20 filmes da TV dos anos 90 que você precisa ver de novo - Parte 114 filmes sobre gays adolescentes
FacebookYoutubeTwitterConheça o autor

Comente com o Facebook:

Últimos Artigos